Devemos evitar vídeos longos?

Quando se publica um vídeo na internet, uma regra geralmente seguida é que não deve ter mais de 2, no máximo 3 minutos. Não só para não ficar muito pesado, mas sobretudo porque é difícil prender o interesse do internauta hiperativo e apressado muito mais do que isso.

A proeza está em conseguir ser a exceção. E, neste caso, como em tudo o que é comunicação, a chave está em conseguir criar um conteúdo tão instigante que a regra pode ser mandada à fava. Foi o que se conseguiu nesta campanha. Com cerca de 30 minutos e mais de 92 milhões de visualizações, o filme Kony 2012 prova que as pessoas estão dispostas a ver conteúdos extensos, desde que valham a pena.

Kony 2012 é um pequeno filme criado pela Invisible Children, Inc. autores de Invisible Children. O propósito do filme é promover o movimento humanitário “Stop Kony”, que pretende dar a conhecer, e posteriormente prender, Joseph Kony, líder de milícia no Uganda.

 

Rui Lourenço
Gestor de projectos da Hamlet